Formação de leitores é desafio a ser enfrentado por professores

Folha de S.Paulo – Análise: Formação de leitores é desafio a ser enfrentado por professores – 27/12/2010

São Paulo, segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

ANÁLISE

Formação de leitores é desafio a ser enfrentado por professores

THAÍS NICOLETI DE CAMARGO
ESPECIAL PARA A FOLHA

Segundo o Conselho Nacional de Educação, a meta das aulas de literatura do ensino médio é formar leitores literários -e não há um currículo obrigatório a cumprir.
Na prática, as exigências dos principais vestibulares do país acabam pautando a programação dos colégios.
Durante muito tempo, o estudo da literatura limitou-se ao conhecimento dos estilos de época e dos seus principais representantes -e a literatura era vista por não poucos estudantes como uma das “matérias chatas” do currículo.
Uma arte, comparável à pintura, à escultura e à música, foi, muitas vezes, reduzida a uma coleção de nomes de autores e características estilísticas. Alguém imaginaria estudar a história da música sem ouvir música?
Para estudar literatura, entretanto, é preciso ler -e isso requer o desenvolvimento da concentração. Em tempos de absorção fragmentária do conhecimento, na velocidade dos microtextos da internet, isso pode parecer difícil, mas é uma missão a cumprir: é preciso ensinar a ler para além da leitura dinâmica.
A literatura é fonte de sutilezas tanto de pensamento como de linguagem, um canal privilegiado de percepção e diálogo com o mundo -e os estudantes não podem ser privados desse saber.
Parece improvável, porém, que um aluno de 15 anos venha a se interessar por literatura começando com obras de Gil Vicente ou de Camões, como manda a cronologia que tem dirigido os currículos de literatura. Não é nova a ideia de inverter a ordem, de modo que os estudantes mais jovens tomem contato com obras mais recentes, de linguagem menos difícil, deixando para um segundo momento as obras mais antigas.
O que se vê hoje é uma situação pouco alentadora. Os principais vestibulares do país vêm adotando listas de livros de leitura obrigatória.
Se a iniciativa, num primeiro momento, fez que os candidatos à universidade lessem pelo menos algumas obras inteiras, hoje os professores de cursinhos as leem e as dissecam nas chamadas “aulas especiais”. Na internet, o estudante também encontra, devidamente digeridas, as obras das listas.
Ao mesmo tempo, por um motivo ou por outro, salvo algumas exceções, a literatura contemporânea é subtraída dessas listas, acentuando a defasagem entre o mundo real e o universo escolar.
Paradoxalmente, o esforço dos professores em resumir e interpretar as obras selecionadas parece relegar ao segundo plano o mais relevante: a experiência de leitura. Há que se perguntar se as listas de livros promovem o avanço na formação de leitores literários ou se acabam produzindo indesejáveis efeitos colaterais.
THAÍS NICOLETI DE CAMARGO é consultora de língua portuguesa do Grupo Folha-UOL.

FOLHA.com
Veja as orientações e os parâmetros curriculares nacionais para literatura no ensino médio
folha.com.br/sa849737

Anúncios

3 opiniões sobre “Formação de leitores é desafio a ser enfrentado por professores

  1. Gostei do texto. Sou professor de português e cada vez mais me convenço que o grande responsável pelo baixo desempenho de nosos alunos é a falta de leitura. Lê-se (quando lê-se) por obrigação, não por prazer.

  2. Gostei do texto! Ensino Língua Portuguesa e tenho encontrado grande obstáculo em transformar meus alunos em leitores eficientes, em pessoas que leem por prazer. Cabe à falta de leitura a responsabilidade pelo desempenho medíocre do alunado brasileiro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s